s1
s2
s3
s4
s5
s6
s7
s8
s9
s10
s11

A importância dos Arquivos para a memória colectiva

conf2_2009No dia 17 de Dezembro de 2010, no Arquivo Municipal Alfredo, decorreu a cerimónia de assinatura do protocolo, entre O Município de Guimarães e a Direcção-Geral de Arquivos com vista à digitalização dos documentos pertencentes à extinta Insigne e Real Colegiada de Nossa Senhora da Oliveira, transferidos para Lisboa, em 1862, por Augusto Soromenho.

Este riquíssimo fundo documental, custodiado pelo Arquivo Nacional da Torre Tombo, actualmente, integrado na dependência da Direcção Geral de Arquivos, é constituído pelo Livro de Mumadona Dias, vários documentos eclesiásticos, documentos particulares e documentos régios, num total de cerca de 5.000 (cinco mil) documentos, datados entre os anos de 950-1500, aproximadamente. Nessa ocasião, foi proferida a conferência "A importância dos arquivos para a memória colectiva" e a apresentação dos trabalhos de digitalização do "Livro de Mumadona Dias" pelo Dr. Silvestre Lacerda, Director-Geral da Direcção - Geral de Arquivos.

FOLHA DE SALA GALERIA
topo